TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Blocos não oficiais já desfilam pelas ruas do Rio de Janeiro - Editoriais - Band News FM

Carnaval

Texto:
+
-

Blocos não oficiais já desfilam pelas ruas do Rio de Janeiro

No último domingo (5), foram mais de 20 cortejos

Por Pedro Antonio Guimarães, às 15:45 - 06/01/2020 | Atualizado às 15:48 - 06/01/2020

Oficialmente, a abertura do carnaval ocorre no domingo (12). (Foto: Agência Brasil)

Os blocos não oficiais de rua já começaram a desfilar pela cidade maravilhosa. No último domingo (5), foram mais de 20 cortejos.

Oficialmente, no calendário oficial divulgado pela RioTur, a abertura do carnaval ocorre no dia 12, segundo domingo de janeiro. Ela acontece no palco montado na Praia de Copacabana para o réveillon com a eleição do Rei Momo e da Rainha do Carnaval do Rio, além de show do bloco A Favorita. A Prefeitura espera que cerca de 300 mil pessoas acompanhem o evento.

Diante do aumento no número de visitantes durante o período do Revellion, a RioTur trabalha com um aumento semelhante, ou seja, de 20% para o Carnaval. A pasta vai divulgar o esquema para o período na próxima quarta-feira (8). Ainda não um número de blocos definido já que muitos aguardam liberação do Corpo de Bombeiros.

Associações de blocos afirmam que as conversas com a Prefeitura começaram logo o carnaval do ano passado, mas isso não agilizou certas burocracias que podem levar a muitos cordões a não desfilarem, em 2020.

Este é a primeira vez desde 1935 que as Escolas de samba do Rio não vão receber apoio da Prefeitura, por uma decisão de Marcelo Crivella.

Quase a um mês para o carnaval, muitas escolas já ligam o alerta na preparação e podem modificar os trabalhos para este ano, e os carnavalescos terão que apostar na criatividade.

Segunda escola a desfilar na segunda-feira de folia em 2020, a Vila Isabel levará para a Marquês de Sapucaí o enredo ''Gigante pela própria natureza: Jaçanã e um índio chamado Brasil'', que fará uma grande homenagem a ''brasilidade'' e a miscigenação do nosso povo.

Já a Grande Rio levará para a Avenida o enredo "Tata Londirá: o Canto do Caboclo no Quilombo de Caxias", abrindo debate sobre tolerância religiosa.

NEWSLETTER
OU