TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Canal do Jardim de Alah é desobstruído após maré causar assoreamento - Editoriais - Band News FM

Meio Ambiente

Texto:
+
-

Canal do Jardim de Alah é desobstruído após maré causar assoreamento

Dezenas de caminhões e uma retroescavadeira foram necessários para o desbloqueio do canal que está conectado com a Lagoa Rodrigo de Freitas

Por Francini Augusto, às 12:43 - 11/08/2020 | Atualizado às 13:59 - 11/08/2020

00:00 / 00:00

Caso não tenha a troca de água entre a lagoa e o mar, os peixes não resistem (Foto: Francini Augusto)

Foram necessários dezenas de caminhões e uma retroescavadeira para a desobstrução do Canal do Jardim de Alah, que foi tomado pela areia da praia do Leblon, na Zona Sul.

A movimentação das marés causou o assoreamento, que impacta diretamente na oxigenação da Lagoa Rodrigo de Freitas.

Caso não tenha a troca de água entre a lagoa e o mar, os peixes não resistem. Segundo o biólogo Marcelo Mello, a manutenção precisa ser contínua.

Em fevereiro do ano passado mais de sete toneladas de peixes morreram na Lagoa Rodrigo de Freitas devido à rápida proliferação de cianobactérias, que possuem ciclo de vida curto e, ao morrerem, consomem muito oxigênio.

Em 2018 o impacto ambiental foi ainda maior. Foram quase 90 toneladas de peixes mortos, principalmente savelhas. O trabalho de limpeza durou quatro dias.

Moradores do Leblon afirmam que apesar de a movimentação das marés ser natural, o problema do assoreamento é antigo.

O canal funciona como principal dreno de água da chuva de parte da Zona Sul.

Como resposta a Prefeitura do Rio afirmou que uma equipe da Rio-Águas atua e monitora permanentemente o Canal do Jardim de Alah e os serviços de desassoreamento continuam em andamento pelos próximos dias.

Em nota, a Prefeitura do Rio, por meio da Fundação Rio-Águas, informa que o assoreamento do canal foi causado pela movimentação das marés, o que é um efeito natural. Uma equipe da Rio-Águas atua e monitora permanentemente o Canal do Jardim de Alah. Os serviços de desassoreamento continuam em andamento nesta terça-feira (11).

NEWSLETTER
OU