TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Crivella anuncia doação de cestas básicas para taxistas e ambulantes legais - Editoriais - Band News FM

Coronavírus

Texto:
+
-

Crivella anuncia doação de cestas básicas para taxistas e ambulantes legais

O prefeito do Rio também ensaia reabrir parte do comércio no Rio

Por Daniella Dias, às 10:40 - 26/03/2020 | Atualizado às 15:37 - 26/03/2020

Marcelo Crivella (Foto: Agência Brasil)

Cerca de 20 mil cestas básicas serão distribuídas a partir da próxima semana para taxistas auxiliares e ambulantes legais cadastrados na Prefeitura do Rio.

A afirmação foi dada por Marcelo Crivella nesta quinta-feira (26) em entrevista exclusiva à BandNews FM.

O prefeito do Rio afirmou que os trabalhadores serão notificados por mensagem de celular para buscarem o auxílio no Riocentro, Zona Oeste da capital fluminense.

De acordo com o prefeito, a liberação para reabertura das lojas de conveniência nos postos de gasolina e das lojas de material de construção será feita para que a curva da covid-19 no município não suba e se agrave durante o inverno. O início da flexibilização do comércio está previsto para esta sexta-feira (27).

O anúncio de reabertura parcial das lojas foi feito um dia após pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro, em cadeia nacional de rádio e TV, pedindo o fim do confinamento em massa.

Segundo Crivella, não há a possibilidade de manter o comércio parado por quatro ou cinco meses sem oferecer uma perspectiva aos empresários.

Questionado sobre como os moradores de rua estão sendo orientados sobre o coronavírus, o prefeito afirmou que o Sambódromo está sendo preparado para receber, especialmente, mulheres, crianças e idosos.

Marcelo Crivella garantiu que há diálogo entre ele e o governador do Rio, Wilson Witzel no combate à covid-19 e que a curva dos casos está sendo controlada, já que nas 320 unidades de saúde, há apenas 30 casos de internação pela doença.

Sobre o ano letivo, o prefeito afirmou que as aulas devem ser a primeira atividade a voltar a funcionar, em especial, para as crianças que não têm contato com idosos e as que possuem algum tipo de deficiência.

Veja a entrevista na íntegra com o prefeito do Rio

NEWSLETTER
OU