TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Defesa entra com habeas corpus no STF para que Witzel retome cargo - Editoriais - Band News FM

Política

Texto:
+
-

Defesa entra com habeas corpus no STF para que Witzel retome cargo

De acordo com o pedido, há diversas ilegalidades na decisão que afastou o político do Palácio Guanabara

Por Gustavo Sleman e Ryan Lobo, às 15:33 - 14/09/2020 | Atualizado às 19:48 - 14/09/2020

00:00 / 00:00

Cláudio Castro assumiu o Governo do Estado após o afastamento de Witzel (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

A defesa do governador afastado do Rio Wilson Witzel entrou com um pedido de habeas corpus no Supremo Tribunal Federal para que o político seja reconduzido ao cargo.

O advogado Ricardo Sidi sustenta que há diversas ilegalidades na decisão que afastou Witzel do Palácio Guanabara, como a falta de provas concretas de que o ex-juiz federal poderia atrapalhar as investigações.

Ricardo Sidi também questiona o fato de Witzel ainda não ter sido ouvido. Wilson Witzel foi afastado no dia 28 de agosto, por 180 dias, após decisão monocrática do ministro do Superior Tribunal de Justiça Benedito Gonçalves, a pedido da Procuradoria Geral da República, na operação Tris In Idem.

Logo depois, em julgamento, a Corte Especial do STJ decidiu manter a medida. 

Na semana passada, o presidente do STF, o ministro Dias Toffoli, confirmou o afastamento ao negar um pedido de suspensão de liminar apresentado pela defesa.

Ouça a reportagem completa clicando no player de áudio.

NEWSLETTER
OU