TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Familiares do menino Kauã Vitor prestam depoimento na Delegacia de Homicídios - Editoriais - Band News FM

Polícia

Texto:
+
-

Familiares do menino Kauã Vitor prestam depoimento na Delegacia de Homicídios

O garoto foi baleado na cabeça e não resistiu quando fechava o portão de casa na Maré

Por Maurício Bastos, às 19:55 - 29/06/2020 | Atualizado às 23:17 - 29/06/2020

A família do menino Kauã Vitor, de 11 anos, morto após ser baleado no Complexo da Maré, prestou depoimento nesta segunda-feira (29). O garoto fechava o portão de casa, no conjunto de Favelas da Zona Norte do Rio, quando foi atingido na cabeça. O caso aconteceu na última quinta-feira (25).

A mãe do jovem que confessou ter feito o disparo também esteve na Delegacia de Homicídios. Felipe Lima Gomes, de 18 anos, se entregou à polícia um dia após a morte de Kauã e teve a prisão temporária decretada no sábado (27).

A mãe do suspeito, que prefere não se identificar, foi à delegacia para tentar vê-lo, mas teve o pedido negado. Ela sustenta a versão do filho, de que o disparo foi acidental.

A Polícia Civil não revelou o teor dos depoimentos e não confirma a versão de tiro acidental dada pelo autor do disparo. O delegado Daniel Rosa afirma que a prisão de Felipe permitiu que as investigações avançassem.

De acordo com a Polícia Civil, Felipe Lima Gomes tem quatro passagens por furto e teria sido recrutado recentemente pelo tráfico de drogas da região.

NEWSLETTER
OU