TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Feira da Providência 2019 já registra venda de ingressos maior que edição do ano passado - Editoriais - Band News FM

Cultura

Texto:
+
-

Feira da Providência 2019 já registra venda de ingressos maior que edição do ano passado

A programação do evento foi ampliada, trazendo produtos de 20 países

Por Emily Almeida*, às 19:53 - 26/11/2019 | Atualizado às 20:28 - 26/11/2019

00:00 / 00:00

O tema deste ano vai ser "Mais diálogo, mais amor" (Foto: Divulgação)

A uma semana da abertura dos portões, a tradicional Feira da Providência já tem o que comemorar: a venda de ingressos antecipados já é 30% maior que no ano passado. Essa é a edição de número 59, quase sessentinha! O evento será entre 4 e 8 de dezembro, no RioCentro, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.  

A programação foi ampliada. Trezentos expositores vão trazer produtos típicos de 10 estados e de 20 países, apresentando a riqueza cultural de cada lugar.  

A programação também reserva uma área para o Mercado de Importados. Mais de 2 mil itens serão oferecidos a preços atrativos, uma boa oportunidade para o carioca fazer as compras de Natal sem entrar no vermelho.  

O evento também terá shows e apresentações de danças de vários tipos: russa, espanhola, folclore japonês, carimbó e frevo. Um dos destaques é a nova febre mundial, o K-Pop.  A cultura carioca também será representada: com grupos de passinho, samba e Afoxé. Mas, além das compras e experiências culturais, o evento tem finalidade social.  

A feira é promovida pelo Banco da Providência, uma organização sem fins lucrativos criada por Dom Helder Câmara, que trabalha pela redução da desigualdade social. Os valores dos ingressos, que correspondem a 40% das receitas da instituição, serão revertidos nas ações da organização.  

O tema deste ano vai ser "Mais diálogo, mais amor", como explica a superintendente do Banco da Providência, Clarice Linhares. Ela destaca que a proposta surgiu do ilustrador responsável pelos cartazes do evento desde 1971, Ziraldo.  

As atividades da ONG se concentram em locais com baixos índices de desenvolvimento humano do Rio. São ações de capacitação profissional e empreendedorismo. No ano passado, pelo menos, 500 famílias foram beneficiadas. Segundo a ONG, 70 dessas superaram a extrema pobreza.  

Na Feira da Providência, os visitantes podem conhecer alguns desses projetos. Depois de passar por um curso de corte e costura, em 2016, na Cidade de Deus, a artesã Pri Oliver contornou a depressão e deu um boom na carreira. Hoje, ela tem um negócio próprio de bonecas de pano.

Os ingressos são vendidos por R$ 24 a inteira, pelo site www.feiradaprovidencia.org.br. Crianças com até 1 metro não pagam. Também no site, é possível consultar a programação completa do evento. 

NEWSLETTER
OU