TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Moradora do Alemão é atingida por estillhaços durante tiroteio - Editoriais - Band News FM

Polícia

Texto:
+
-

Moradora do Alemão é atingida por estillhaços durante tiroteio

A vítima não teve a identidade divulgada

Por Thaiana de Oliveira, às 08:30 - 10/12/2017 | Atualizado às 09:53 - 10/12/2017

00:00 / 00:00

Passa bem a mulher atingida por estilhaços durante um tiroteio no Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio.

A moradora, identificada apenas como Jéssica, foi socorrida na Unidade de Pronto Atendimento da comunidade. Segundo a Secretaria Municipal de saúde, ela já recebeu alta.

 Segundo a Unidade de Polícia Pacificadora Fazendinha, agentes foram atacados por criminosos, na tarde deste sábado (9).//

 

Grávida baleada

No último dia 2, a jovem Karolayne Nunes de Almeida, de 19 anos, que estava grávida de cinco meses e meio, foi atingida quando estava dentro do carro, com o marido.

Apesar de ter passado por uma cesariana de emergência, a bebê de Karolayne não resistiu e morreu.

A jovem continua internada em estado gravíssimo no Hospital Municipal Miguel Couto, na Zona Sul do Rio.

Passageiros de ônibus baleados

No dia 5 de dezembro, duas pessoas que estavam dentro de um ônibus foram baleadas na Zona Oeste da cidade. Os feridos não tiveram a identidade divulgada.

De acordo com a Polícia Militar, o motorista do coletivo abordou os agentes que faziam patrulhamento na Avenida Brasil, solicitando ajuda. As vítimas, atingidas no abdômen e no braço, foram socorridas para o Hospital Albert Schweitzer, em Realengo.

A Polícia Civil apura de onde partiram os disparos. Com os casos, chega a 185 o número de vítimas de balas perdidas este ano no estado, segundo levantamento da BandNews FM.

Criança morta no Juramento

O menino Eduardo Henrique Carvalho Dias, de 10 anos, morreu no último dia 3, ao ser atingido no abdômen enquanto brincava em uma praça no Morro do Juramento, em Vicente de Carvalho, na Zona Norte da capital fluminense.

A família do garoto diz que ele foi baleado quando criminosos, em duas motos, passaram atirando em direção a parte alta da favela e fugiram. A Delegacia de Homicídios investiga de onde partiu o disparo.

Só em 2017, nove crianças morreram em decorrência de bala perdida no estado.

NEWSLETTER
OU