TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
MPRJ pede responsabilização por uso de helicóptero durante operação na Maré - Editoriais - Band News FM

Justiça

Texto:
+
-

MPRJ pede responsabilização por uso de helicóptero durante operação na Maré

Segundo o órgão, foram efetuados 480 disparos próximo a um complexo de escolas

Por Julia Kallembach, às 20:35 - 13/01/2021 | Atualizado às 20:39 - 13/01/2021

Sede do Ministério Público do Rio de Janeiro (Foto: Gustavo Sleman/BandNews FM)

O Ministério Público do Rio ajuíza uma ação de responsabilização contra o Estado e de improbidade administrativa contra agentes da Polícia Civil por causa do uso de helicóptero em uma operação no Complexo da Maré, na Zona Norte.

A ação aconteceu no dia 18 de setembro de 2019. De acordo com o MP, os agentes usaram escolas municipais como base aérea operacional e atiraram contra a comunidade diretamente da aeronave. Segundo o órgão, foram 480 disparos próximo a um complexo de escolas que engloba sete unidades.

No documento, o Ministério Público quer que o Estado do Rio se responsabilize pelo dano moral coletivo causado à escola.

A ação foi ajuizada contra dois delegados: Fábio Barucke, subsecretário operacional da Polícia Civil na época da operação, e Sérgio Sahione, então coordenador da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais e contra o policial piloto Ricardo Herter, que conduziu a aeronave na operação.

Segundo o MP, durante a ação, agentes da Polícia Civil entraram na comunidade para tentar prender um dos chefes do tráfico de drogas da região.

O MP pede uma indenização no valor mínimo de R$ 25 milhões.

Procurada, a Polícia Civil afirma que apoia irrestritamente os policiais envolvidos na operação citada pelo Ministério Público, e que a situação de confronto naquele momento era absolutamente excepcional e o uso do helicóptero serviu para garantir a segurança da população e dos policiais envolvidos na operação.

NEWSLETTER
OU