TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Policial militar é atropelado na Transolímpica e motorista não presta socorro - Editoriais - Band News FM

Cidade

Texto:
+
-

Policial militar é atropelado na Transolímpica e motorista não presta socorro

O sargento Othon Wagner Solomon, de 43 anos, do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas, caminhava ao lado da viatura, quando foi atingido por um carro em alta velocidade

Por Francini Augusto, às 13:12 - 23/02/2021

00:00 / 00:00

O militar passou por cirurgia e segue internado (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Depois de ter um pulmão perfurado, costelas quebras e cóccix fraturado é considerado gravíssimo o estado de saúde o militar atropelado durante um patrulhamento na Transolímpica, via expressa que liga bairros da Zona Oeste do Rio.

O sargento Othon Wagner Solomon, de 43 anos, do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas, caminhava ao lado da viatura, quando foi atingido por um carro em alta velocidade.

Em imagens de câmeras de monitoramento da via é possível observar que o motorista não presta socorro. A velocidade máxima permitida na Transolímpica é de 80 km/h.

O advogado Marcio Dias, especialista em trânsito, explica que o atropelador pode responder por mais de um crime, entre eles a omissão do socorro.

O episódio aconteceu em Magalhães Bastos, em um acesso à Avenida Brasil, por volta de 21h40 de domingo (21).

O militar passou por cirurgia e segue internado no Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, na mesma região.

Com o impacto do atropelamento um retrovisor ficou caído ao lado da viatura, o que pode ajudar na identificação do veículo e do condutor.

Ouça a reportagem completa clicando no player de áudio.

Em imagens de câmeras de monitoramento da via é possível observar que o motorista não presta socorro. A velocidade máxima permitida na Transolímpica é de 80 km/h. #BandNewsFM pic.twitter.com/D9xz23ZQ5y

— BandNews FM - Rio (@bandnewsfmrio) February 23, 2021
NEWSLETTER
OU