TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Presidiários podem ser soltos devido a suspensões e problemas com audiências no RJ - Editoriais - Band News FM

Justiça

Texto:
+
-

Presidiários podem ser soltos devido a suspensões e problemas com audiências no RJ

A denúncia feita por juízes aponta que há falta de equipamentos para videoconferências e, se se o transporte de presos não for liberado, eles devem ser soltos por excesso de prazo

Por Agatha Meirelles, às 13:04 - 11/08/2020 | Atualizado às 16:23 - 11/08/2020

00:00 / 00:00

A Seap admitiu problemas para a realização de audiências (Foto: Agência Brasil)

Com as audiências presenciais suspensas no Estado do Rio e problemas nas videoconferências, presos podem ser soltos por excesso de prazo. A denúncia foi feita por juízes do Estado.

Desde o começo da pandemia do coronavírus, o Governo do RJ suspendeu o transporte de detentos para a realização de audiências, como medida de contenção do avanço da Covid-19.

Os profissionais dos presídios afirmam que as unidades não têm equipamentos para atender a demanda de audiências. A Cadeia Pública Juíza Patrícia Acioli e o Presídio Tiago Teles de Castro Domingues, ambos em São Gonçalo, por exemplo, não realizaram nenhuma audiência durante a pandemia.

De acordo com o judiciário fluminense, poucas audiências estão sendo feitas e, ainda, se o transporte de presos não for liberado os presos devem ser soltos por excesso de prazo.

Em nota, a Seap admitiu problemas para a realização de audiências com presos durante a pandemia, mas, ainda de acordo com eles, já foram realizadas mais de três mil videoconferências.

NEWSLETTER
OU