TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Rio + Seguro é inaugurado na Taquara - Editoriais - Band News FM

Segurança

Texto:
+
-

Rio + Seguro é inaugurado na Taquara

O projeto de segurança no bairro integra o trabalho da Guarda Municipal com o da Polícia Militar

Por Andrezza Buzzani, às 10:44 - 19/02/2020 | Atualizado às 14:52 - 19/02/2020

00:00 / 00:00

O prefeito Marcelo Crivella participou da inauguração do programa (Foto: Andrezza Buzzani)

O projeto Rio + Seguro, criado pela Prefeitura do Rio, chega a mais um bairro da Zona Oeste. Nesta quarta-feira (19) a inauguração foi na Taquara. O primeiro da região a receber o novo módulo foi a Freguesia, em janeiro deste ano.

O programa é coordenado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública. Dez órgãos do Governo, em conjunto com a PM, atuam de forma integrada no combate à desordem e à criminalidade.

Para quem anda diariamente pelo bairro, como o vendedor Moisés Miguel, de 56 anos, a sensação de insegurança ainda é grande no período da noite. Já o jornaleiro José Almeida, de 74 anos, que trabalha no bairro há 10 anos, tem percebido um aumento no policiamento e acredita que a segurança no bairro vá melhorar.

Cerca de 60 agentes, entre guardas municipais e policiais militares, irão patrulhar as ruas do bairro diariamente. As equipes terão câmeras de segurança nas fardas e serão monitoradas por georrefereciamento.

O secretário de ordem pública, Gutemberg Fonseca, diz que o objetivo do programa é devolver a sensação de segurança nas ruas à população.

O projeto já atua em Copacabana e no Leme, desde 2017, e já registrou mais de 980 prisões e 520 apreensões de crianças e adolescentes em flagrante. A Cidade Universitária também recebeu o projeto em junho do ano passado.

Segundo o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, a expectativa é reduzir a criminalidade por meio das ações conjuntas dos diferentes órgãos. Segundo a Secretaria de Ordem Pública, a previsão é que até o final de março, o Rio + Seguro chegue aos bairros do Pechincha, Tanque e Praça Seca, além do centro de Campo Grande.

Ouça reportagem completa clicando no player de áudio.

NEWSLETTER
OU