TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Além de reencontros, Bienal vai promover encontros e estreia de autores em 2021 - Editoriais - Band News FM

Cultura

Texto:
+
-

Além de reencontros, Bienal vai promover encontros e estreia de autores em 2021

O festival vai reunir autores de diferentes segmentos

Por Gustavo Sleman, às 20:37 - 29/11/2021

00:00 / 00:00

A Bienal marca a abertura de portas para os novatos. (Foto: Divulgação | Bienal do Livro )

A edição deste ano da Bienal do Livro vai marcar, além da reunião de fãs e escritores após o avanço da vacinação, a abertura de portas para os novatos. 

É o caso da carioca Gisele Fortes, que lançou o terceiro livro, 'Desencontros de amor'. Dona de uma história de superação, a autora trabalhou 20 anos no mercado corporativo, exerceu cargos executivos e, ao ser desligada durante a licença-maternidade, resolveu reinventar a sua carreira. As obras de Gisele se passam no Rio e remetem às décadas de 1980 e 1990.

Considerada uma das vozes mais influentes da literatura jovem adulta LGBTQIA+ no Brasil, a soteropolitana Elayne Baeta vai apresentar na Bienal 'Oxe, baby', com livro de poesias com uma pegada autobiográfica. Ela conta que, em sua trajetória, teve que enfrentar até negligência médica.

Depois do sucesso de 'Querido Ex', que vendeu mais de 10 mil cópias, Juan Jullian vai apresentar no evento seu segundo romance. 'Maldito ex, a autobiografia da subcelebridade mais odiada do Brasil', que conta a vida de Tiago, o polêmico ex.

É possível dizer que o amor vai ser um dos destaques do evento. Em 'Amor e outros percalços', a escritora Krishna e outros autores vão debater a compreensão desse sentimento. 

A política não ficará fora da Bienal. A mesa 'Política é Pop', que vai contar com a participação da advogada Gabriela Prioli, vai falar como uma nova geração se apaixonou pelo assunto.

Também vai ter espaço para reflexões sociais, políticas e afetivas, como as poeta Luciene Nascimento, confirmada na mesa 'Poesia para (Re)Existir'.

Inspirado nos acontecimentos da Bienal do Livro de 2019, quando houve a tentativa de censura por parte do ex-prefeito do Rio Marcelo Crivella, Felipe Cabral lança o romance 'Primeiro beijo de Romeu'. 

A nostalgia e o poder da lembrança também vão ser abordados. Leo Aversa vai compartilhar histórias da própria família e refletir sobre a paternidade. Ele é autor do livro 'Crônicas de Pai'.

A viségima edição da Bienal do Livro vai ocorrer de formato híbrido, entre os dias 3 e 12 de dezembro.

NEWSLETTER
OU