TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Comissão de Direitos Humanos da Alerj vai se reunir com família de jovem morto na Vila Kennedy - Editoriais - Band News FM

Cidade

Texto:
+
-

Comissão de Direitos Humanos da Alerj vai se reunir com família de jovem morto na Vila Kennedy

Parentes de Felipe Rangel, de 24 anos, garantem que o técnico de enfermagem não tinha envolvimento com o crime organizado

Por Julia Kallembach, às 17:00 - 24/01/2020

A Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Alerj vai se reunir com a família do técnico de enfermagem Felipe Rangel Santos, que foi morto durante troca de tiros na Vila Kennedy, Zona Oeste do Rio.

Os policiais militares envolvidos no confronto que terminou com as mortes de três homens, além de uma mulher ferida por bala perdida, foram ouvidos pela Polícia Civil e tiveram suas armas apreendidas e encaminhadas à perícia.

Parentes de Felipe garantem que o jovem, de 24 anos, não tinha envolvimento com o crime organizado.

O porta-voz da Policia Militar, coronel Mauro Fliess, diz que respeita a dor da família, mas ressalta que, durante o confronto, no domingo (19), os agentes apreenderam uma arma de guerra.

A PM afirmou que realizava patrulhamento na comunidade para impedir eventos não autorizados, quando foram atacados por homens armados. Ainda segundo a Policia Militar, com os suspeitos, foram apreendidos um fuzil, uma pistola e uma granada.

A Vila Kennedy foi apontada como o laboratório pelas forças federais, durante intervenção na segurança pública do Rio, em 2018.

Dados do Instituto de Segurança Púbica mostram que, na região, houve um aumento de cerca 30% nas mortes por ação de agentes de segurança do Estado entre janeiro e dezembro de 2019, quando comparado com o mesmo período no ano anterior.

NEWSLETTER
OU