TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Governo do Estado encerra contrato com organização social responsável pelo Hospital de Saracuruna - Editoriais - Band News FM

Saúde

Texto:
+
-

Governo do Estado encerra contrato com organização social responsável pelo Hospital de Saracuruna

Desde a última sexta-feira (22), a unidade é administrada pelo Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde

Por Pedro Dobal, às 22:15 - 23/10/2021

00:00 / 00:00

Hospital Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

O Governo do Estado encerra o contrato com a organização social Mahatma Gandhi para gestão do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Desde a última sexta-feira (22), a unidade é administrada pelo Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde, o Ideas. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, não houve paralisação dos atendimentos.

A nova OS assume a gestão com o desafio de resolver antigos problemas. Funcionários afirmam que estão com dois meses de salários atrasados. O problema atinge médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas e até a equipe de limpeza.

Além disso, duas das quatro unidades de terapia intensiva precisaram ser fechadas por falta de funcionários. Uma funcionária, que prefere não se identificar, reclama do descaso com os profissionais.

A Associação Mahatma Gandhi assumiu a administração do hospital em janeiro. Antes, a Prefeitura de Duque de Caxias chegou a gerir a unidade por seis meses após o instituto Iabas suspender a operação por falta de verbas.

O Governo do Estado diz que fez todos os repasses previstos, mas decidiu rescindir o contrato após identificar inconformidades ao longo da gestão. O objetivo seria assegurar o atendimento adequado da população.

Um processo administrativo foi aberto pela Secretaria Estadual de Saúde para apurar a responsabilidade da OS. As punições previstas podem variar entre uma simples notificação e a proibição de firmar novos contratos.

Procurada, a Associação Mahatma Gandhi não respondeu aos questionamentos da reportagem.

Ouça a reportagem completa clicando no player de áudio.

NEWSLETTER
OU