TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Vereadora Benny Briolly está sem escolta após pedidos de ajuda e solicitação - Editoriais - Band News FM

Política

Texto:
+
-

Vereadora Benny Briolly está sem escolta após pedidos de ajuda e solicitação

Benny afirma que a Polícia Militar se negou a garantir a proteção dela

Por Carlos Briggs, às 16:46 - 31/05/2021

00:00 / 00:00

Benny Biolly foi a primeira vereadora transexual eleita em Niterói (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Apesar dos pedidos de ajuda e da solicitação ao Conselho Nacional de Proteção a Defensores dos Direitos Humanos, a vereadora Benny Briolly, do PSOL, está sem escolta.

A parlamentar retornou ao Brasil, no dia 14 de maio, sob a condição de que ingressaria no Programa Estadual de Proteção, o que ainda não aconteceu.

Benny Briolly afirma que a Polícia Militar se negou a garantir a proteção dela.

Há cerca de 15 dias, Benny Briolly recebeu ameaças de morte precisou deixar temporariamente o país. Em uma das mensagens encaminhadas, a pessoa, que não se identifica, afirma que vai comprar uma arma 9 mm para executar a parlamentar. A ameaça, que trazia ainda informações pessoais dela, exigia a renúncia.

Benny Biolly foi a primeira vereadora transexual eleita em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, e a mulher mais bem votada na cidade nas eleições de 2020.

A Polícia Militar informou que disponibiliza escolta para parlamentares de diferentes segmentos políticos desde que seja seguido o protocolo previsto em lei. No caso da vereadora, o pedido deveria ser formalizado pela Câmara Municipal de Niterói, junto ao Gabinete do Comando Geral da Polícia Militar. A nota destacou ainda que não recebeu o ofício.

Ouça a reportagem completa clicando no player de áudio.

NEWSLETTER
OU